"Lá no Cimo das Nuvens", de Paul McCartney, vai ser adaptado ao ecrã pela Netflix e pela Gaumont

O livro do icónico compositor, autor e cineasta vai ser transformado num novo filme de animação

  • A Netflix e a Gaumont estão a produzir um novo filme de animação do icónico compositor, autor e cineasta Paul McCartney, com o título "High in the Clouds", baseado no popular romance de aventura infantil com o mesmo título ("Lá no Cimo das Nuvens", em Portugal), da autoria de McCartney, Geoff Dunbar e  Philip Ardagh.

  • Realização: Timothy Reckart (Head Over Heels, A Estrela de Natal), nomeado para os Óscares

  • Argumento: Jon Croker (Paddington, Paddington 2, Monstros Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald

  • Autoria, produção, canções originais e música: Paul McCartney (100 Years, Jojo Rabbit, Yesterday, 007 — Vive e Deixa Morrer, Vanilla Sky), vencedor de um Óscar e de 18 Grammys.

  • Produção:   Bob Shaye  (trilogia O Senhor dos Anéis, A Bússola Dourada, Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos, When the Bough Breaks, Ambition e a minissérie a ser lançada em breve na Netflix The Liberator), Michael Lynne, entretanto falecido,  Paul McCartney, Sidonie Dumas, Christophe Riandee, Nicolas Atlan, Terry Kalagian (Gaumont)

  • Resumo: um jovem esquilo cheio de imaginação, chamado Wirral, vê-se envolvido com um bando maltrapilho de adolescentes rebeldes que vive lá no cimo das nuvens após ter inadvertidamente enraivecido a coruja Gretsch, a líder tirânica (e fabulosa cantora!), que rouba a voz daqueles que a irritam.

"Estamos  muito felizes por formar parceria com a Netflix.  Eles complementam aquela que já é uma equipa espetacular na Gaumont e não conseguimos pensar em ninguém que fosse tão perfeito para colaborarmos no sentido de levar o nosso filme até um público global.  Sempre adorei filmes de animação e este é um projeto extremamente importante para mim. Mal posso esperar para o ver", disse Paul McCartney.

"O desenvolvimento de High in the Clouds tem  sido um percurso fantástico ao trabalharmos com o Tim, o Jon e, claro, a minha maravilhosa equipa de animação para toda a família da Gaumont: a Terry Kalagian e o Alex Soto. Sentimo-nos muito afortunados, já que este tem sido um processo criativo extremamente colaborativo com o incomparável Paul McCartney e a sua equipa, incluindo o Lee Eastman, que prestou uma orientação indispensável ao longo do processo de desenvolvimento. Na Gaumont estamos muito felizes e empolgados por trabalhar com a Melissa Cobb, o Gregg Taylor e a talentosa equipa da Netflix para podermos partilhar este filme musical de animação verdadeiramente especial com o público do mundo inteiro", afirmou Nicolas Atlan, diretor-geral do departamento de animação para toda a família da Gaumont.

"Oferecer ao mundo um novo filme de animação do coração e da mente do brilhante Paul McCartney é, sem dúvida, uma das experiências mais empolgantes que já tivemos na Netflix.  Estamos para lá de agradecidos por podermos formar parceria com o Nicolas e a equipa da Gaumont em High in the Clouds, e com o Tim ao leme, esta história mágica que celebra a individualidade e o poder unificador da música está em excelentes mãos", disse Gregg Taylor, diretor de filmes de animação originais da Netflix.

Sobre  Paul McCartney 

Desde que compôs a sua primeira música aos 14 anos, a carreira de Paul McCartney tem sido inigualavelmente prolífica e particularmente influente. Nos anos 60, Paul mudou o mundo para sempre com os Beatles. Mas ele não se ficou por aqui e continuou a expandir limites como artista a solo, com os Wings e ao colaborar com inúmeros artistas de renome mundial. Paul McCartney criou vários filmes de animação com Geoff Dunbar, incluindo Rupert and the Frog Song, vencedor do BAFTA na categoria de Melhor Curta-Metragem de Animação e que se tornou na curta-metragem mais rentável do ano.  Entre os filmes de animação que lançou, encontram-se ainda Daumier's Law, vencedor do BAFTA na categoria de Melhor Curta-Metragem de Animação, Tropic Island Hum e Tuesday. Ao longo da sua carreira, venceu 18 Grammys e, em 1996, foi nomeado Cavaleiro pela Rainha Isabel II de Inglaterra pelos seus serviços prestados na música. Paul é um filantropo dedicado, defendendo com paixão várias causas, incluindo direitos dos animais e questões ambientais.

Sobre a Netflix

A Netflix é o serviço de streaming líder mundial em entretenimento. Presente em mais de 190 países, conta com 158 milhões de adesões pagas de membros que usufruem de séries, documentários e filmes numa ampla variedade de géneros e idiomas. Os membros podem ver o que quiserem, quando quiserem e onde quiserem, em qualquer ecrã com ligação à internet. Podem ver, parar e continuar a ver, sem anúncios nem compromissos.

Sobre a Gaumont

Fundada em França, em 1895, a Gaumont é a produtora cinematográfica mais antiga do mundo, com escritórios em Paris, Los Angeles, Londres, Berlim e Buenos Aires. A Gaumont produz e distribui conteúdo de programação para televisão de alta qualidade no mundo inteiro, como: a série premiada Narcos, atualmente na sua 5.ª temporada, F is for Family, atualmente na sua 4.ª temporada, e a série alemã The Barbarians, para a Netflix; a terceira temporada da série britânica Tin Star, para a Sky e a Prime Video da Amazon; a série francesa Arsène Lupin, com Omar Sy, para a Netflix; e a série de animação Do Re & Mi, com Kristen Bell, para a Prime Video da Amazon. 

A Gaumont coproduz e distribui cerca de dez filmes por ano nos cinemas e a sua biblioteca cinematográfica reúne mais de 1400 títulos de realizadores de prestígio, como Louis Malle, Jean-Luc Godard e, mais recentemente, Toledano e Nakache com Amigos Improváveis, o filme de língua francesa mais rentável de sempre, com mais de 450 milhões de dólares em receitas até à data. 

# # #

Contacto RP:

Olivier Mouroux, Netflix 

OMouroux@Netflix.com 

Contacto RP:

Alli Farrell, Gaumont

Alli.Farrell@gaumont.com


Início