Ellen DeGeneres lidera um especial de stand-up para a Netflix

  • Ellen DeGeneres vai liderar um especial de stand-up para a Netflix
  • O especial marca o antecipado regresso de Ellen à comédia stand-up.
  • Ellen DeGeneres disse: “Já passaram 15 anos desde o meu último especial de stand-up. 15 anos. E agora estou a escrevê-lo, mal posso esperar. Vou manter-vos informados sobre onde e quando vai ser a filmagem do meu especial Netflix. Estou muito entusiasmada em fazê-lo. Estou muito ansiosa que o vejam.”

Ellen DeGeneres - Biografia:

Uma adorada ícone televisiva e pioneira de entretenimento, a distinta voz cómica de Ellen DeGeneres teve impacto nas audiências desde a sua estreia em comédias stand-up até ao seu trabalho atual na televisão, em filmes e no mundo literário. Ellen DeGeneres ganhou o seu lugar com o seu talk-show de sucesso, “The Ellen DeGeneres Show”. Agora, a caminho da décima quinta temporada, o programa já conquistou um total de 59 Daytime Emmy® Awards. A galardoada comediante já teve a honra de apresentar os Óscares, os Primetime Emmys e os Grammy Awards. Recentemente, o Presidente Obama condecorou DeGeneres com a Medalha Presidencial da Liberdade, em novembro de 2016. Para além disso, em outubro de 2012, DeGeneres foi premiada com o 15th Annual Mark Twain Prize for American Humor pelo John F. Kennedy Center para as Artes do Espetáculo. DeGeneres também recebeu elogios da crítica pelos especiais de comédia da HBO nomeados para um Emmy – “The Beginning” e “Here and Now”. A carreira de DeGeneres começou quando esta era apresentadora num clube de comédia na sua cidade natal, em Nova Orleães. A sua carreira na representação em televisão inclui papéis em algumas sitcoms de sucesso, antes de lhe oferecerem um papel em “These Friends of Mine” da ABC. Após a primeira temporada, o programa foi renomeado “Ellen”. O programa, que esteve no ar de 1994 a 1998, obteve recordes de audiência, com DeGeneres a receber nomeações para os Emmy® em cada temporada na categoria de Melhor Atriz. Em 1997, DeGeneres recebeu o Prémio Peabody e um Emmy® por ter escrito o aclamado pela crítica “Puppy Episode” quando a sua personagem se assumiu como gay num recorde de 46 milhões de visualizações.

Início