Índice de Velocidade de ISP para a Netflix – Dados de novembro de 2019

Apresentamos aqui os destaques obtidos dos dados relativos a novembro do Índice de Velocidade de ISP para a Netflix, no âmbito da nossa atualização mensal de informações sobre os ISP (Internet Service Providers) que proporcionam a melhor experiência de streaming da Netflix em horário nobre.

Atualizado a 21 de janeiro de 2020: uma versão anterior desta publicação no blogue continha um erro no valor de velocidade da izzi. O valor de velocidade correto é de 3,65 Mbps.

Dois serviços do Japão apresentaram aumentos significativos no Índice de Velocidade de ISP para a Netflix de novembro, no âmbito da nossa atualização mensal às informações relativas aos ISP (Internet Service Providers) que proporcionam a melhor experiência de streaming da Netflix em horário nobre.

A Nifty teve um aumento de 0,45 Megabits por segundo (Mbps) e passou a registar uma média de 3,15 Mbps. A Freebit subiu 0,25 Mbps para uma média de 2,62 Mbps. 


No entanto, o serviço da C Spire, dos EUA, foi o que registou o maior aumento do mês, com uma melhoria de 0,47 Mbps, passando assim para uma média de 3,79 Mbps. 

No Chile, a Entel subiu 0,4 Mbps para uma média de 2,55 Mbps. A Dodo e a iPrimus, da Austrália, aumentaram a sua média em 0,21 Mbps, para 3,97 Mbps.

Em dois países, Taiwan e Indonésia, foram registadas subidas e descidas em relação ao mês anterior. Em Taiwan, a FarEasTone subiu 0,2 Mbps para uma média de 3,11 Mbps, enquanto a Taiwan Mobile desceu 0,32 Mbps para uma média de 2,19 Mbps. 


Na Indonésia, a Neuviz acrescentou 0,27 Mbps à sua média, que passou a ser de 4,18 Mbps. A Indosat-FibrePelo registou, pelo segundo mês consecutivo, uma descida relevante, perdendo 0,2 Mbps na sua média, que é agora de 3,9 Mbps.


Outra queda relevante foi registada pela Viva, do Koweit, que diminuiu 0,27 Mbps, apresentando agora uma média de 3,25 Mbps.

Em relação ao ranking de países, a Austrália teve uma boa recuperação, após a queda de sete posições no mês anterior, tendo subido agora seis lugares, do 18.º para o 12.º. Esta subida deve-se sem dúvida, pelo menos em parte, ao aumento registado pela Dodo e pela iPrimus. Dois países subiram seis posições: a Noruega e a Grécia, que passaram do 15.º lugar para o 9.º e do 34.º lugar para o 28.º, respetivamente. 

Após dois meses seguidos de subidas, a Tailândia sofreu a maior queda no ranking de países ao descer seis posições, do 9.º para o 15.º lugar. Singapura e Panamá desceram, cada um, quatro posições, do 12.º lugar para o 16.º e do 32.º lugar para o 36.º, respetivamente.

O Índice de Velocidade de ISP para a Netflix diz respeito, exclusivamente, ao desempenho da Netflix em horário nobre. Não se trata de uma medição do desempenho global abrangendo outros serviços/dados suscetíveis de usar a rede do ISP em questão. Um desempenho mais rápido da Netflix significa, normalmente, melhor qualidade da imagem, tempos de arranque mais rápidos e menos interrupções. Para testar a velocidade da sua Internet, visite http://FAST.com em qualquer navegador ou transfira a aplicação FAST Speed Test para iOS ou Android

Mais de Blogue da empresa

Início