O som com qualidade de estúdio chega à Netflix

A partir de hoje, aceder à Netflix a partir do televisor vai soar ainda melhor.

Alguns dos momentos mais icónicos da televisão e do cinema são definidos pela sua banda sonora. Sem banda sonora, será que The Crown seria tão majestosa? E será que os momentos sinistros de Stranger Things teriam o mesmo impacto?

A subtileza do som passa frequentemente despercebida, mas pode ter um impacto profundo na atmosfera de uma cena e mudar totalmente a forma como os espetadores reagem à mesma. A combinação mágica entre imagem e som aproxima os espetadores da história. É por esta razão que o nosso serviço suporta tecnologias e funcionalidades como 4K, HDR, Dolby Atmos® e Modo de Calibração Netflix.

Hoje, estamos muito felizes por anunciar uma nova funcionalidade: áudio de alta qualidade, que eleva a qualidade do nosso som para outro nível. Escolhemos um nome assim tão simples porque se adequa: o áudio de alta qualidade disponibiliza um som que se aproxima do que os criadores ouvem no estúdio, de forma a que todos os detalhes sejam capturados para uma experiência mais rica e intensa. Para além disso, caso existam limites de largura de banda ou do próprio dispositivo, tornámos a funcionalidade adaptável para que consigamos oferecer o melhor áudio possível, de acordo com as capacidades que tem ao seu dispor, tal como já fazemos com o vídeo.

Conseguir transmitir a visão dos nossos parceiros criativos sempre foi muito importante para nós, e o som é algo em que nos temos focado muito.

Contexto

No final de 2017, estávamos a ver a segunda temporada de Stranger Things com os irmãos Duffer num ambiente de sala de estar para que eles pudessem ter uma ideia de como seria a experiência dos espetadores. A certa altura, durante o primeiro episódio, houve uma cena de perseguição automóvel que não soava tão bem como no estúdio de mistura. Recorremos imediatamente ao nosso especialista de som, envolvendo também as equipas de engenharia, e estamos desde esse momento a trabalhar para corrigir a situação, independentemente do esforço necessário para o fazer. Felizmente, conseguimos resolver a questão para a segunda temporada de Stranger Things ao disponibilizar uma taxa de bits mais elevada para o áudio e, desde então, temos estado a trabalhar arduamente para disponibilizar um áudio melhorado de forma mais geral.

Este é um excelente exemplo da nossa cultura em ação. Na Netflix fazemos o que for preciso para dar apoio aos nossos parceiros criativos. As histórias e perspetivas dos nossos colaboradores podem ser vistas aqui:

Ao combinar de uma forma inovadora as equipas criativa e de engenharia da Netflix, conseguimos não só resolver um problema, como também usar esse problema para melhorar a qualidade do áudio para os nossos milhões de membros no mundo inteiro.

A experiência dos membros

A maioria dos televisores que suportam 5.1 ou Dolby Atmos têm a capacidade de receber uma melhor qualidade de som. A taxa de bits que o seu dispositivo consegue receber depende do mesmo e das capacidades da largura de banda:

  • 5.1: desde 192 kbps (bom) até 640 kbps (excelente/perceção clara do som)
  • Dolby Atmos: desde 448 kbps até 768 kbps (Dolby Atmos está disponível para os membros que aderiram ao Plano Premium)

A nossa expetativa é que estas taxas de bit melhorem ao longo do tempo, à medida que nos tornamos mais eficientes com as nossas técnicas de codificação.

Podem ser consultadas informações adicionais no nosso Centro de Assistência. Também podem ser consultadas informações mais técnicas sobre como implementámos o áudio de alta qualidade e como o disponibilizámos aos membros da Netflix no mundo inteiro no nosso blogue tecnológico.

Temos como prioridade preservar o objetivo criativo original das pessoas que criam séries como Stranger Things, já que sabemos que isso melhorará a experiência de visualização (e sonora) e originará muitos mais momentos de alegria. Seja no Mundo Invertido, seja a fugir do Demogorgon, vem aí uma experiência sonora como nunca antes... ouvida!

Mais de Blogue da empresa

Índice de Velocidade de ISP para a Netflix – Dados de março de 2019

Apresentamos aqui os destaques obtidos dos dados relativos a março do Índice de Velocidade de ISP para a Netflix, no âmbito da nossa atualização mensal de informações sobre os ISP (Internet Service Providers) que proporcionam a melhor experiência de streaming da Netflix, em horário nobre. Ler mais

Índice de Velocidade de ISP para a Netflix – Dados de abril de 2019

Apresentamos aqui os destaques obtidos dos dados relativos a abril do Índice de Velocidade de ISP para a Netflix, no âmbito da nossa atualização mensal de informações sobre os ISP (Internet Service Providers) que proporcionam a melhor experiência de streaming da Netflix, em horário nobre. Ler mais

Início